domingo, 27 de abril de 2014

O dia que virei morena

Já faz uns 20 dias que fiquei morena. Não, eu não me acostumei. Cada vez que acordo de manhã e me olho no espelho tomo um susto. Não, eu não estou me achando bonita. Eu sempre fui "a Lena, aquela loirinha", e agora eu sou só "aquela baixinha". Quando você muda o visual e fica bem, quem te ve fala: caracaaaaaa!! Mudou o cabeloooo!arrasou!!!". No meu caso, o que ouvi foi: "caramba, ta diferente, escureceu, ne?". É.

Só para contextualizar, sempre fui loira e feliz. Loirinha criança, depois saí tacando de tudo no cabelo pra clarear mais. Minha família sempre fez campanha contra. Só Deus sabe como eu odiava quando minha mãe vinha falando: "minha filha, você está destruindo seu cabelo, para com isso". Maldita boca de mãe que invoca os poderes do universo. Obvio, mãe falou, batata. Acabei com meu cabelo. 

Até que um dia a maturidade chegou, e eu pensei que era melhor ter o cabelo escuro e cheio do que ser uma loira de cabelo ralo. Aí num dia fatídico, tomei coragem, fiquei 3h no salão, e escureci (uma lágrima escorre no canto do olho nesse momento. Mentira, chorei muito). Lá se foi um legado. Uma história. Uma mulher iluminada, e agora ficou a branquela baixinha de cabelo ralo e escuro.

Não estou escrevendo esse post pras minhas amigas falarem "amiga, você fica linda de qualquer jeito". Estou escrevendo porque eu estou sofrendo e queria compartilhar a minha dor, esse sofrimento que me fere. E como eu gosto de rir da minha desgraça, escrevo pra compartilhar os comentários diversos que ouvi de amigos, conhecidos, pouco conhecidos, galera do trabalho e afins. Porque pior que você mudar o visual e chegar no lugar sabendo que todo mundo vai te perguntar, é você estar odiando, e ser obrigada a passar por isso.

Então vamos lá, a pessoa está andando e de repete PÁ, Lena morena:
- que isso?? tá revoltada com a vida?
- por que você fez isso? Errou a cor da tinta?
- não fica assim, a gente te ama mesmo assim
- não sei se prefiro assim ou antes 
- você está mais jovem
- você está mais velha
- você está mais séria
- você ficou mais forte
- você é muito branca, precisa ser loira
- pinta de loiro de volta, uai
- a Lena perdeu a essência
- você perdeu o humor
- seu cabelo ficou minguado
- não tá feio, só preciso me acostumar

Então é isso. O que importa é ter saúde.
Obrigada, amigos.